“Tinto no Branco” dedica passeio de comboio a “história” e “estórias” de Viseu

Passeio será orientado por Joel Cleto, onde “Amor de Perdição” de Camilo será protagonista.

Nesta segunda edição do Festival Literário “Tinto no Branco”, a literatura invade novamente o comboio turístico de Viseu com o renovado passeio “A história e as estórias”.

Este ano, na manhã de domingo do Festival, pelas 11 Horas, o passeio no comboio turístico de Viseu será com Joel Cleto, historiador e arqueólogo, que orientará a visita a alguns dos mais importantes pontos de interesse histórico e patrimonial da cidade de Viriato, com especial enfoque na presença de Viseu na obra “Amor de Perdição”.

O “Tinto no Branco” de 2016 tem como tema principal esta obra de Camilo Castelo Branco, romance cuja narrativa se desenvolve por Viseu.

Joel Cleto é formado em história e em arqueologia e está ligado à criação do Arquivo Histórico Municipal de Matosinhos, do Gabinete Municipal de Arqueologia e História, do Museu da Quinta de Santiago e da Rede de Museus de Matosinhos. Dirigiu escavações arqueológicas em Baião, no centro histórico do Porto, e no concelho de Matosinhos. Cleto deixa o convite para esta viagem, onde se apresentará na pele de um narrador para todas as idades.

A viagem começará no Rossio e a participação é gratuita, necessitando apenas de inscrição prévia em www.inverno.vindimasviseu.pt/workshops.