Vinhos de Inverno e Festival LiterĂ¡rio de Viseu conquistaram 5000

Viseu consolidou o seu estatuto de “cidade vinhateira 365 dias por ano”. “Tinto no Branco” foi aposta certeira e voltará reforçado em 2016

O 1º Festival Literário de Viseu “Tinto no Branco” e 2º salão de “Vinhos de Inverno” terminam este domingo com um saldo muito positivo e prometedor. Ao todo acorreram ao Solar do Vinho do Dão, em Viseu, 5000 pessoas, cerca de metade das quais fora de Viseu e com a presença de visitantes do Porto, Coimbra e Salamanca.

“A participação nos ‘Vinhos de Inverno’ e no 1º Festival Literário de Viseu excedeu as nossas melhores expectativas”, afirmou Almeida Henriques, Presidente da Câmara Municipal de Viseu, este domingo. “O ‘Tinto no Branco’ conquistou viseenses e visitantes e regressará em 2016, associado aos Vinhos de Inverno. Esta ligação entre os vinhos do Dão, a literatura e Aquilino Ribeiro é uma aposta ganha”, concluiu o autarca.

O escritor Manuel Silva Ramos, um dos participantes no festival “Tinto no Branco”, considerou que “o evento está cá para durar porque, pela primeira vez em Portugal, um festival literário une um produto da terra – o impressível vinho – à imortal literatura”. Na primeira pessoa, Deana Barroqueiro, autora de ficção histórica, testemunhou a sua experiência de visitas guiadas pela cidade com 2500 anos: “Viajei no tempo e no fantástico mundo da fantasia com o festival de Viseu”.

Durante três dias, Viseu pôs à prova a literatura de 25 escritores e quase 30 empresas vinícolas, assim como de mais de uma dezena de operadores do agroalimentar. Afonso Cruz, Rui Cardoso Martins, Fernando Dacosta, Patrícia Reis, Manuel da Silva Ramos, Deana Barroqueiro, Francisco José Viegas, Bruno Vieira Amaral e a cubana Karla Suarez foram alguns dos escritores participantes, assim como os “viseenses” João Luís Oliva e António Gil.

Almeida Henriques considerou também o impacto turístico e económico desta programação “muito positiva”. “Matou-se o mito de que o Inverno não pode ser uma temporada atrativa e cultural em Viseu. Somos a cidade vinhateira do Dão e um destino cultural 365 dias por ano”, afirmou.

Para o Município de Viseu, a afirmação de Viseu e dos Vinhos do Dão passará ainda pela “exportação” deste conceito de eventos em cidades com públicos-alvo como o Porto e Salamanca.

Toda a programação dos “Tinto no Branco” e dos “Vinhos de Inverno” está disponível nos sites www.vindimasviseu.pt e www.tintonobranco.pt.

A Booktailors é a empresa responsável pela produção executiva do festival literário.

O evento “Vinhos de Inverno” está integrado na agenda do Município para promoção de Viseu como destino vinhateiro e cidade do Dão e conta com o patrocínio do BiG – Banco de Investimento Global. A Comissão Vitivinícola do Dão e o Turismo do Centro são parceiros da iniciativa. A Galp patrocina a primeira edição do “Tinto no Branco”.